Parque da Mobilidade Urbana – PMU, em parceria com o Estadão, leva ao público debate acerca dos diferentes meios de transporte nas cidades, além de atrações e engajamento em sustentabilidade

São Paulo, junho de 2022. A Letz, startup de mobilidade corporativa que começou a operar no início de 2020 e já realizou 700 mil viagens, devolvendo 250 mil horas de tempo livre aos trabalhadores, apresentará sua solução no maior evento de mobilidade urbana do Brasil.

O Parque da Mobilidade Urbana – PMU, acontecerá de 23 a 25 de junho, no Memorial da América Latina, em São Paulo/SP, com entrada franca e em parceria com o canal Mobilidade Estadão. O objetivo é promover a conexão da mobilidade disruptiva, sustentável e inclusiva por meio da discussão, da troca de informações e da difusão de ideias entre o ecossistema de mobilidade no Brasil e no mundo.

Quando o assunto é qualidade de vida, um dos pontos cruciais do debate é o modo e o tempo que se leva no deslocamento de casa para o trabalho e do trabalho para casa. Logo vem à tona a mobilidade urbana. Passar um mês dentro de um ônibus no trânsito é a realidade de quem vive em São Paulo, segundo dados de um levantamento realizado em 2019 pela Ipsos. São 32 dias por ano em trânsito, com um gasto de 02h07 para os deslocamentos diários. Em média, os usuários utilizam três modalidades de transporte durante a semana, intercalando ônibus, carro e a pé.

Foi pensando nessas dificuldades de mobilidade urbana que a Letz surgiu como uma solução inovadora para a intermediação do transporte de funcionários que podem receber o benefício de um deslocamento mais confortável, prático e seguro.

O transporte coletivo no Brasil é um dos principais gargalos dos gestores públicos de cidades e estados. Em São Paulo não é diferente, ainda mais se tratando da maior população do País, com seus atuais 12,4 milhões de habitantes (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística – IBGE), que se dividem, basicamente, em três principais modalidades de transporte durante a semana: ônibus, carro e a pé, de acordo com levantamento de 2019 da Ipsos.

Bruno Oliveira, CEO e co-founder da Letz, conta que o aplicativo vem sendo buscado por muitas empresas que querem diminuir o tempo de deslocamento dos seus colaboradores nos de casa para o trabalho e do trabalho para casa, já que, por meio do aplicativo Letz, a média de tempo para deslocamento é de 55 minutos, tanto na ida para a empresa, quanto na volta para casa, o que está diretamente ligado ao aumento da produtividade dos colaboradores e, consequentemente, das empresas que utilizam a plataforma, e que tem afetado positivamente a qualidade de vida dos trabalhadores.

“O aplicativo, pensado para o transporte de colaboradores, combina conforto e segurança, com a proposta de oferecer uma opção de transporte digno e econômico para ir ao trabalho”, fala Oliveira.

Letz? Como funciona? Carros compartilhados para acomodar de dois a três passageiros e um app que utiliza tecnologia de roteirização para localizar passageiros que morem e trabalhem próximo, traçando uma rota otimizada com menor tempo e quilometragem durante os embarques e desembarques, com motoristas que buscam os funcionários na porta de casa. É uma solução para economizar, totalizando um custo menor do que o gerado por um carro próprio; ganhar tempo ao não ter que se deslocar para pontos de encontro ou aguardar carros de aplicativos individuais; e fugir do transporte público e seus problemas de segurança, higiene e conforto.

Felipe Wasserman, Diretor de Marketing e Growth da Letz, fala sobre o aumento na operação. “Não é de se surpreender que a Letz tenha crescido tanto e em tão pouco tempo, já que a demanda do transporte de funcionários é muito grande no Brasil, além das vantagens que o serviço proporciona, aumentando ainda mais as chances de o modelo de negócio crescer. Tiramos milhares de pessoas do transporte público para um meio mais confortável e seguro”, afirma Wasserman.

Sustentabilidade é vital – Falar de sustentabilidade é falar de vida, de sobrevivência. “O meio ambiente grita por socorro para que nós não precisemos gritar por socorro em breve”, opina Wasserman. E esse será um dos pilares do PMU que, dentre outras ações, fará um inventário das emissões de CO2 durante os três dias de evento e, posteriormente, se encarregará de compensar esses números. A neutralização de emissões de CO2 é feita por meio de créditos de carbono (RCE). Portanto, a cada tonelada de CO2 não emitida à atmosfera ou reduzida gera-se um crédito de carbono que pode ser comercializado no mercado.

A Letz está em total alinhamento com as práticas de sustentabilidade do evento e do mundo, tendo compromisso com as práticas de ESG, acrônimo inglês para Environmental, Social and Governance. Traduzido em bom português: “ASG”, Ambiental, Social e Governança.

Em apenas dois anos de atuação no mercado, já economizou 522 toneladas de CO2, o que corresponde a 15 campos de futebol repletos de árvores, e pretende economizar muito mais: 365 mil toneladas a menos de CO2 emitido nos próximos seis meses, somando o espaço de 30 campos de futebol no segundo semestre em economia de CO2. Esses números também correspondem a um total de 8 mil árvores salvas.

Até 2030 a empresa quer estar com 100% de carros elétricos em operação em sua frota. Entendemos que faz todo sentido focar em carros compartilhados sustentáveis, no caso, carros elétricos, e que esse é o caminho para a mobilidade do futuro, por isso, no nosso plano de expansão está inclusa a meta de ter 100% da frota de carros elétricos até 2030, reduzindo custos com o alto preço dos combustíveis e minimizando os impactos da operação no meio ambiente, com menos emissão de carbono no planeta”, revela o empresário Bruno Oliveira.

Site: https://www.letz.app/

Facebook: https://www.facebook.com/letz.sp/

Instagram: https://www.instagram.com/letz.app

Linkedin: https://www.linkedin.com/company/letz-sp

SERVIÇO PARQUE DA MOBILIDADE URBANA – PMU

Quando: 23 e 24 de junho de 2022 (quinta e sexta-feira) – Público de negócios: 10h às 17h; Público final: 15h às 20h // 25 de junho (sábado) – Público de negócios e público final: das 10h às 17h

Local: Memorial da América Latina – Av. Mário de Andrade, 664        – Barra Funda – São Paulo – SP

Inscrições gratuitas para visitantes: https://parquedamobilidadeurbana.com.br/inscricoes/

Credenciamento de imprensa: https://parquedamobilidadeurbana.com.br/inscricoes/

Outras informações: https://parquedamobilidadeurbana.com.br/inscricoes/

 

Atendimento à imprensa Letz

ACTA Comunicação Integrada

www.actacomunicacao.com.br

Cristiane Sampaio – (11) 9 9834-0264 (WhatsApp) // (11) 4551-7958 (fixo)